30 de set de 2007

Happy Birthday

Ontem acordei, cozinhei algo colorido, tomei um banho com shampoo, sentei na cadeira de uma forma diferente e mudei de opinião... estudar inglês, rambora. Fui-me na tarefa.

Pois bem, estudei durante o dia, o amigo italiano apareceu aqui para acabarmos de ver um filme no cine-laptop e depois os amigos espanhóis nos convidaram para ir a duas festas de aniversário. Quer saber? Fui-me para me animar. Fui e foi animado!

A primeira era uma coisa família. Chegamos tinha pai, mãe, irmã, aniversariante e nós... entenderam? Família! Eram de Walles, sotaque estranho, mas um condensado humor monty phyton. Depois chegou mais gente e como a aniversariante era doutoranda do departamento de português (estuda Fernando Pessoa) logo mais vieram conhecidos meus, de outro aniversário... Estou falando! Aniversário aqui é algo corriqueiro, é o equivalente ao nosso "passa lá em casa", é a desculpa para convidar estranhos para entrar no ninho.

Além do humor cáustico e non-sense encontrado na festa, os quitutes são algo a parte. Eles tem uma mega indústria de quitutes, então tudo que se prova nas festas dificilmente foi feito na casa, mas você também não viu sendo feito em nenhum outro lugar. Molhos mil para molhar o biscoito (Não resisti a piada...), bolinhas diversas com formato de ovo de dinossauro, paezinhos de figuras variadas. Traga bebida (ai é cerveja ou vinho...) Fun!

Se a primeira festa foi divertida por se poder ouvir as pessoas, a segunda era uma muvuca. Num quarto/cozinha de uns 40 metros quadrados, 60 pessoas. Calculem e vejam a relação pessoa/mundo. Espanhóis, poloneses, italianos e portugueses. Primeira coisa que se deve fazer numa festa dessas é responder para quem passa daonde você conhece o aniversariante... quer saber, usei a teoria dos 4 pontos. Aquela que diz que qualquer pessoa está a quatro pessoas de outra qualquer. Facilitou, porque de fato eu fui acompanhando uma amiga espanhola que conhecia a irmã da aniversariante.... entenderam? Mas a pergunta aqui de ondes éres é parte da festa, porque se conhece todo mundo rapidamente. Dica: melhor lugar para ampliar sua rede de contatos, fila de banheiro, ou bicha (se for portugues), cola (italiano ou espanhol) ou sdsdsdskjdnjs (em polonês não lembro como é). A música lá na fila é mais baixa e se tem tempo de falar com pessoas, pois todo mundo está esperando o milagre da sua vez chegar.

Coisas importantes: em portugal eles tem corcovado, porto alegre e santarem, e uma estátua em ode a Cabral foi erguida há 10 anos atrás... presente do Cônsul Brasileiro!!! Então, meus camaradas, vocês pagaram junto comigo por essa benfeitoria e nem sabíamos! Como eu e laurinha devemos visitar Porto em Dezembro, foi a oportunidade também para perguntar como ir barato para o país. E a semelhança de palavras entre as duas "línguas" é fantástica!

Enfim, a festa teve salsa, parabéns para você em três línguas, muita gente e pouquíssima comida. Então, todos antes de ir a um aniversário, jantem bem, em especial se você for peludo e acostumado as latinhas de 300 ml do Brasil. Se não fizer isso, a bebida sobe rápido! Eu comi pasta com choriso espanhol, delícia!

E é isso... não teve bundalelê, como queria o Latino, mas foi uma grande festa num ap! Pode aparecer! Orbaf,

2 comentários:

Anônimo disse...

cheap xenical new zealand online pharmacybuy cheap meridia pharmacy online
[url=http://www.bebo.com/buyxanaxonline1]buy xanax no rx[/url]

Anônimo disse...

buy phentermine cheap online pharmacydrugs celebrex

[url=http://www.bebo.com/buylevitraonline1]buy online levitra cialis viagra[/url]