29 de out de 2009

Mais do centro

 
 
 
 
Posted by Picasa

Centro de San Diego

 
 
 
 

Primeiro vamos as novidades: hoje comi galinha a la coca-cola! E quem fez foi uma chinesa! Da para acreditar na globalizacao agora ou nao? Funciona assim: voce pega a carne da gailha, deixa de molo no gengibre( ou limao) para tirar o cheiro de fui-feia-com-hormonio-e-nao-deveriam-me-comer-seus-nao-vegetarianos, ai depois poemna panela e deixa cozinhar com uma latinha de coca cola (funciona com pesi tambem)…. e tem um gosto bom!!!

Enfim, voltando: esse final de semana fui conhecer o centro de San Diego. Tudo grande, tudo bonito. Mas meio pequeno. san Diego é como uma grande nao-cidade. Tudo tao grande e espacado porque nao pode ter predio (porque o titio terremoto nao gosta de construcao com mais de 2 andares) que fica tudo meio engracado… meio cidade fantasma. Funciona assim voce gosta de um bairro, mora la, vive la. So se move de um lugar para outro para ir surfar, trabalhar ou olhe lá!

Enfim, no centro tem um grande porto com transatlanticos e porta-avioes (nada de semalhante com Paranagua) e muitos muitos barcos (de pobre, porque o barco dos ricos com iates maiores que a baleia do pinoquio fica ao sul da baia). Tem tambem MUITA gente morando na rua, ou catando latinhas nos lixos… por opcao, va saber, porque nao imagino que sejam ilegais (ilegal se esconde, nao dorme na praca pensando nela) nem sem-condicoes (o minimo aqui o estado da). Enfim, sao familias as vezes que moram numa barraca num terreno baldio… vai entender…


Enfim, a cidade é bem bonita, tem um aeroporto no meio dela, tem bairro chines, bairro italiano, bairro disso e aquilo. Tudo muito "novo", aturisticado para voce vir conhecer. Na rua do centro mais antigo tem uma grande placa dizendo VENHA CONHECER O VELHO CENTRO. A placa, nem a rua, tem nada de novo, mas enfim, dizia meu livro de turismo que ali era o centro velho.

Frases que se deve prestar atencao nos EUA: 1. Amostra gratis. Leia-se : venha experimentar e comprar porque se nao comprar voce nao foi educado de aceitar a amostra gratis em primeiro lugar. E…. 2. Isso aqui voce nao encontra nas lojas. Leia-se: eu sou um americano que teve uma ideia, registrei o copyright e estou tendando o sonho americano de ficar rico com uma boa idéia.

Encontrei tambem um velhinho que me passou um roteiro de caminhadas e que foi a vegas numa promocao recentemente (lap dance show ou cassino?) e algumas muitas pessoas correndo pela cidade. aqui todos correm, é como um hobbie (hobbing hood? piada fabro).

Enfim, o centro é simpáico. nada demais, simpático. fui no porta avioes e vi o aviao do tom cruise no top gun. vi cruzeiros lindos e depois voltei para casa. Passei 8 horas caminhando pelo centro, com meu novo aparelinho de nerd que marca minha localizacao no GPS e depois marca a posicao nas fotos… é lindo!

orbaf
Posted by Picasa

19 de out de 2009

California - Julien

 
 
 
 

Quando eu era pequeno lá em Barbacena eu jogava um joguinho que se chamava California Dreams. Tinha de tudo no joguinho: esporte de praia, surf, carros esportivoc, direção perigosa, enfm, tudo tudo. Eu não entendia exatamente porque se chamava California, mas enfim, o joguinho era bom então quem se importa (ou alguém se perguntou um dia porque tem jogo que se chama tetris)

Enfim, nesse final de semana aluguei um carro para ir passear. Infelizmente a opção economica que aluguel estva indisponível no sábado de manhã e tiveram que me dar um upgrade… fiquei com uma pickup que fazia de 0 a 100 em menos de 7 jacares (eu testei. para, acelera com tudo, conta um jacare, dois jacare, tres jacare, etc, e acreditem, a bicinha fazia). Boyzao da vida fui passear na praia. Aconteceu que deu uma zica no tempo do literal no final do semana e ficou nublado o tempo todo. Acabei abandonando o passeio de sábado, estacionei o carro em cima de um morro onde tinha internet wireles, sentei na caçamba, tirei a camisa e fiquei com meu notebook estudando (versao nerd de boyzinho que tira a camisa, liga o ach;e e toma cerveja sozinho jurando que todos gostam da musica que toca).

No Domingo, olhei a previsao e me mandei pro interioooooooooooorrrrrrrr da california. Fui para uma cidadezinha chamada Julien. Muito simpatica, famosissima pela apple pie feita com a maca que só existe ali, enfim… era tão doce só o cheiro que nem consegui pensar em pedir um pedaço para mim. Muitas Harleys, muitas Ferraris, muitas motos, muita gente usando o dia para fazer passeio com a família, enfim. O Americano viaja MESMO dentro do seu próprio país (e do seu próprio Estado em particular….).

Subi montanha, desci montanha tirei foto, fui numa vista aqui, fui numa vista ali. Belos passeios. Enfim, recarreguei as baterias para mais uma semana de labuta.

orbaf
Posted by Picasa

15 de out de 2009

Ignobel priz Brasil

Duvido que algum dia eu ache algo melhor que isso para merecer um ignobel prize da musica.... e depois, dizem que querem dizer nao nao nao, e entao entao entao

Vamos festejar! O Inri 'e cristo e voce nao vai dizer nao... assistam abaixo.



13 de out de 2009

Fofuxos

 
 
 
 

Estou na minha residencia nova, e em breve falo sobre meus roomates, um hungaro, e uma californiana. Antes disso, um momento reprise sobre os fofuxos Lais e Nicola. Vamos a uma aprensetacao dos dois a la Amelie Poulan:

Lais gosta de sonhar acordada, e sonhar de estar acordada.
Lais adora lagartas, e as cria como bicho de estimacao.
Lais nao se localiza nem na sua propria quadra.
Lais adora dobrar a toalha de sua maneira unica.
Lais nao gosta de chegar antes de estar 5 minutos atrasada.
Lais desperta como uma cena close-up de um filme de horror.
Lais adora soltar um barro e transforma-lo em vaso.
Lais queria morar ainda mais perto da praia.
Lais adora filmes de meninas.

Nico gosta de parar o carro para ver as ondas do mar.
Nico gosta de escutar rock e ver piadas em frances no youtube.
Nico gosta de jogar com a selecao da franca, mas odeia levar gol do Brasil.
Nico adora assar, cozinhas e aquecer massas e carnes.
Nico acredita que toda refeicao deve vir acompanhada de molho.
Nico adora fazer xixi dentro do neupreme enquanto surfa.
Nico nao usa GPS pois acredita nos mapas.
Nico nao vive sem desenhar, embora pouco desenhe.
Nico nao se ve morando com bichos.
Nico adora filmes de meninos.

Esses sao os amigos fofuxos que me acolheram por duas semanas quando cheguei a san diego. A eles, um brinde. Merci!

Fabre Steibe France
Posted by Picasa

4 de out de 2009

Arma secreta escondida num tanque

 
 
 
 
Posted by Picasa

GI Joe 2

 
 
 
 
Posted by Picasa

G.I. Joe, comandos em achao

 
 
 
 

Ontem foi meu di de comandos em acao. Fui na Miramar Air Show aqui em Sand Diego. Para quem nao conhec o local, ;e uma base a'erea... todo mundo j;a viu ela por aqui, 'e onde o Tom Cruise da aquele role compeindo com aviao no filme Top Gun... Pois bem, tive o prazer de ver TODOS avioes que eu via so em album de fotografia quando pequeno. Nao so ver, mas como sentar na cabine entrar dentro, tocar na roda, etc etc etc...

Zilhoes de americanos, NENHUM meio de tansporte publico disponivel, acrobacias no ar de tirar folego e infelizmente nao era possivel levr armas de fogo ao evento, tive entao de deixar minha sub-metralhadora com cartucho musical em casa.... e tava 40 graus, mas a cidade nao era o paraiso do caos.

Zilhares de militares bombados conversando com os adolescente e zilhoes de locais para se afiliar ao exercito. Eu fiz te tudo: entrei no bombardeiro, subi no tanque, joguei jogo de tiro dentro de uma sala com simulador de combate real, tirei minha carteirinha de soldado virtual, olhei para cima para ver show de aviao, fiz de tudo. So nao me alistei, sei nao por que?

Sobre o simulador: bom, voce entra numa fila, depois da seus dados. Ai eles tiram sua foto e voce ganha a carteirinha. Nao sei o que aconteceu comigo, mas eu dei TODOS os dados errados (sera que eu queria ficar fora de um database eterno?). Depois joga-se joguinho normal, e depois, sessao de briefing. La dentro um soldado fortao bonito a la GI JOE apresneta o treinamento. E era a equipe alpha. Perolas sobre perolas, como por exemplo:

- [Negao tanque pergunta para a plateia] Quando voce ve aluem atirando contra voce, o que voce faz?
- [Branqelo nerd] Shoot them in the head (atira na cabeca dele!)
- [ Negao] Yes, you are a good american (Isso, voce 'e um exclente americano)

Perola sobre perola... Enfim, mais uma coisa Americana aqui para minha cole'c~ao. Definitivmene nao estou na Europa. Vi crianca fazendo fila para brincar de colocar a bazuca nas costas,e outra fila de criancas para brincar de metralhadora AR-15 (sem cartucho musical). Vi armas e armas e armas, de verdade, de mentira, e nas camisetas. E vi shows pirotecnicos no ar de aviao que vao de barao vermelho aos jatos que o Brasil pensou em comrpar....

Enfim, ironias:

- tocava U2 no evento volta e meia... sera que eles pensam que o Bono apoiaria o evento?
- as pessoas sentavam na sombra do aviao, e faziam desenhos Brasilia no chao
- Tinha mais homem bombado la que no desfile meu e da lau na ala dos centurioes da Beija-flor
- Pensa num lugr gay-free... gay-die.... gay away

Fabro
Posted by Picasa

2 de out de 2009

Ditongo crescente, totalmente oxítona

Essa aqui quem me enviou foi minha Tia Cecilia (linda...) ela 'e irma da tia neneca (tambem linda) e da minha mae (lindona). Nao sei autoria (v'a saber quem sabe...) mas 'e lindo o poeminha e bem fabro... cortei uma parte do original, editando o ineditavel...

Era a terceira vez que aquele substantivo e aquele artigo se encontravam no elevador.
Um substantivo masculino, com um aspecto plural, com alguns anos bem vividos pelas preposições da vida.
E o artigo era bem definido, feminino, singular: era ainda novinha, mas com um maravilhoso predicado nominal.
Era ingênua, silábica, um pouco átona, até ao contrário dele: um sujeito oculto, com todos os vícios de linguagem, fanáticos por leituras e filmes ortográficos.
O substantivo gostou dessa situação: os dois sozinhos, num lugar sem ninguém ver e ouvir. E sem perder essa oportunidade, começou a se insinuar, a perguntar, a conversar.
O artigo feminino deixou as reticências de lado, e permitiu esse pequeno índice..
De repente, o elevador pára, só com os dois lá dentro: ótimo, pensou o substantivo, mais um bom motivo para provocar alguns sinônimos.

Pouco tempo depois, já estavam bem entre parênteses, quando o elevador recomeça a se movimentar: só que em vez de descer, sobe e pára justamente no andar do substantivo.

Ele usou de toda a sua flexão verbal, e entrou com ela em seu aposto.
Ligou o fonema, e ficaram alguns instantes em silêncio, ouvindo uma fonética clássica, bem suave e gostosa. Prepararam uma sintaxe dupla para ele e um hiato com gelo para ela.

Ficaram conversando, sentados num vocativo, quando ele começou outra vez a se insinuar.
Ela foi deixando, ele foi usando seu forte adjunto adverbial, e rapidamente chegaram a um imperativo, todos os vocábulos diziam que iriam terminar num transitivo direto.
Começaram a se aproximar, ela tremendo de vocabulário, e ele sentindo seu ditongo crescente: se abraçaram, numa pontuação tão minúscula, que nem um período simples passaria entre os dois.
Estavam nessa ênclise quando ela confessou que ainda era vírgula; ele não perdeu o ritmo e sugeriu uma ou outra soletrada em seu apóstrofo.

É claro que ela se deixou levar por essas palavras, estava totalmente oxítona às vontades dele, e foram para o comum de dois gêneros.
Ela totalmente voz passiva, ele voz ativa. Entre beijos, carícias, parônimos e substantivos, ele foi avançando cada vez mais: ficaram uns minutos nessa próclise, e ele, com todo o seu predicativo do objeto, ia tomando conta.

Estavam na posição de primeira e segunda pessoa do singular, ela era um perfeito agente da passiva, ele todo paroxítono, sentindo o pronome do seu grande travessão forçando aquele hífen ainda singular.
orbaf

Lactobacilos

 
 
 
 

Entao, ontem foi meu dia de pesquisar lugares para morar em San Diego. Caramba como isso leva tempo! Existe uma lista de discussao aqui onde se posta tudo. Na inglaterra tem o gumTree, aqui tem o Craigslist. Voce vai la, e procura. Achei uns 30 que gostaria de olhar, mandei email, uns 5 responderam. Fui ver 3 deles ate agora. Nada mal, mas nenhum se encaixou exatamente no briefing. Na verdade, se achar algo bem proximo da universidade, estarei bem balan'cado para alugar na hora. Nao 'e dif'icil, e depois de ter encontrado um lugar posto aqui um coment'ario com tudo que vi...

Mas voltando ao transito: caramba, eles VOOAM. tudo 'e rapido, se direge mal, o carro com cambio automaico nao se ve acelear, uma loucura. me deu foi uma puta dor de cabeca da tensao que fiquei... coisas ruins sobre dirigir aqui:

a. estacionamento 'e sempre na puta queu pariu, ou se paga caro e por tempo limitado
b. retornos existem, mas eles sao sempre um kilometro a frente
c. os carros aqui sao maiores que os elefantes africanos, e eles passam por cima mesmo (mesmo que voce nao esteja comendo amendoim)
d. existe faixa preferencial para quem esta em duas pessoas no carro.... isso ajuda a evitar os congestionamento... mas ninguem usa pois TODOS estao sozinhos em seus carros... faixa preferencial no final das contas fica tao movimentado quanto acostamento de estrada...
e. na supervia daqui (highway, ou BR, para os que estao menos acostumado) eu andava a 100 por hora e todo e qualquer ser humano com rodas me ultrapassva
f. voce pode virar a direita em sinal fechado...
g. a gasolina 'e muito barata!

Enfim... esse foi meu dia. Tenso! num sol de deserto! com um gps, mas com muita coisa ao mesmo tempo. dirigir aqui so se for com laura linda ao lado, e viajando a turismo... senao, necas de pitibiriba.

fabrolino
Posted by Picasa