12 de ago de 2007

Truquetes...






Fui assistir a uma peça de Shakespeare numas ruínas medievais daqui. Truquete. Atores recém formados, teatro realista, o diretor era o ator principal. Como ele se chama? British Shakespeare Company. Aonde eles se apresentam? Em várias cidades da Inglaterra. É... truquetes tem em toda parte do mundo. Fui a um pub também, um não, dois. O primeiro, bandas de garagem a la Artic Monkeys (que são de Leeds, por sinal). Uma tinha bom vocalista, outra bons arranjos, outras bons amigos na platéia e uma era tipo Oasis, que eu não gosto. Enfim, teve quase tudo que se pode esperar, exceto unanimidade em ter uma banda realmente boa... mas a discotecagem de rock indie era boa... Depois, rua. Isso a que horas? 11 da noite. Tudo começa cedo, e tende a acabar cedo.

Na rua, indo para os clubs com diso ou techno, mulheres seminuas. As roupas aqui são decotes ousadíssimos e saias curtíssimas (mais curtas que as do funk no rio). Una isso a mulheres de dois metros de altura, maquiadérrimas, e se tem um show de peruas que parece ora show de patricinha, ora entrada de puteiro chique. Bonito de se ver, mas será real? Mas muita gente nas ruas, muita gente mesmo, e é férias... nos dias de semestre, imagino que isto aqui deva parecer uma Lapa a la Uk.
Nos pubs, agitação. Bebe-se muito e lá pelas altas horas (uma da madrugada....) todos já querem te apertar a mão e bêbados dizer que amam muito você. Sobem nas mesas, pinduram-se nos tetos e o rock indie aumenta a agitação. Sem peitolelê, infelizmente.... O grande medo: alguém soltar um grande UGO ao seu redor e dizer um gosmento sorry enquanto seu sapato está sujo de Cerveja com Whisky. Não aconteceu, mas poderia. Ah... a cerveja não é cara para padrões daqui, mas multiplicado por 4 para ver quanto dá em real, enfim, não multiplique. Tomei uma cerveja, uma coca, e meu senso-turco me disse: curta a música, dance, e eu cuido da sede.

Choveu migalhas de chuviscos ontem de noite. Quase chorei. notícias de que o sol vai embora? Estaria São Pedro dizendo para mim viver por conta própria? Voltou a fazer sol. Estariam os deuses caçoando de mim ou era uma aviso divino do que vem pela frente... torço para que São Pedro, em pleno inverno, faça o mesmo por Laurinha. Viva skype. Viva as fotos que ela me manda pela TIM. Enfim... ordem e progresso, voltando a cidade de Leeds.

Orbaf.,

Nenhum comentário: