29 de abr de 2008

Ok... ok... FUCK U!

Fazia tempo que eu não postava algo pessoal, fazia não? Bom, vamos a algumas novidades, comentando por uma dica que o Nilton me enviou

Comeca com a noticia do G1
29/04/2008 12:35
Britânicos de hoje são mais grosseiros que os de 10 anos atrás, diz pesquisa
Cuspir e xingar são as ações mais preocupantes na opinião dos entrevistados. Líder da Campanha pela Cortesia vê influência da contra-cultura dos anos 60.

Acabei que aqui na Inglaterra fui voluntário. Organizo uma conferencia de PhD como voluntário (convidei inclusive Bauman para falar nela, eusinho dei a ideia e sugeri o tema, e ele topou) e fui voluntário para ser "representante dos alunos de Phd". Pois bem, hoje eu pensei: voluOTARIO.

Da conferencia: pediram para nos buscarmos patrocínio para fazer a conferencia. Ligar para as editoras, bancos, etc... se fosse na federal, faria. Se fosse o putz, faria. Mas porra; pagando 10 mil pounds por ano, ainda ter que buscar dinheiro para a conferencia DOS OUTROS? Tao me achando com cara de Madre Teresa ou com uniforme laranja pedindo ajuda para asilo de cego? Suporto o asilo de cegos, fique isso claro, mas pedir ajuda (vulgo pedir que nos estudantes corramos atrás de patrocinio) para organizar uma conferencia do Instituto, é demais.

Pois bem; fomos diplomaticos, expomos meses atrás nossa opinião, e a coordenadora aceitou (a contragosto) conseguir o dindin. Passa meses, e nada é feito... e nos ali, na comissão, controlando para ver quando a merda ia estourar. Pois bem, o departamento não fez nada, ai mandamos outro comunicado diplomático. A diplomacia foi vista como estudantes mimados, absurdo, e o diretor do curso (que foi copiado sem nos sabermos no ciclo de emails) escreveu um email dizendo; vocês foderam com meu domingo. Ok... ok ... fuqui U. Esse assunto tem fodido por dois meses nossas reunioes.

Na Grécia e na Itália, se o seu supervisor de doutorado te pede um café, você vai la fora e pega... E se ele pedir de novo, você vai la e pega denovo. Olha, nunca levei cafezino para Afonso. Sei que essa coisa rola tambem no Brasil, mas enfim, porra: eu sou pesquisador, nao prestador de servicos. Se quer meus serviços, contrata, na boa, eu topo, eles pagam, ta feito. Mas assim, como se fosse "parte do job description de fazer doutorado", pera-la.

Olha o que ensinaram hnum treinamento sobre como se aplicar para uma vaga de professor: olha fulano, primeiro voce tem que dizer que vai dar todas as aulas que ningume que dar, e fazer um monte de tarefa administrativa. E se te pedirem para ajoelhar e pagar de santo, promete tambem. Depois de fazer isso por dois anos, ai voce consegue sue contrato definitivo e diz que essas tarefas estao fora do seu alcance, da uma de dificil, e fica pressionando que eles vao contratar alguem novo. Shit nao?

Como representante: os alunos fizeram uma lista de coisas que nos deveriamos encaminhar para a coordenacao. Agora tem reuniao OBRIGATORIA por norma d auniversidade para tratar de tais assuntos. Pois bem, duas reunioes se passaram, e nad afoi feito (embora tudo tenha sido aceito...). E por parte dos alunos, no que se refere a ajudar a formular uns documentos que cabe a eles, ninguem responde a pedido algum.... volunOTARIO eu sou...

Coisas que aconteceram aqui no departamento: uma funcionaria esqueceu de pedir comida para um evento. Pedem para uns alunos irem no super comprar e montar mesa. Professor esquece de tirar xerox, pede para um aluno tirar... e por ai vai. Ai voce pensa: mas é porque aqui nao tem quem trabalhe para a universidade. Mentira... tem quinhentas pessoas, mas o jeiinho ingles é nao fazer NADA.

O jeitinho brasileiro é dar um jeito de fazer o que nao pode ou o que nao deve... O jeitinho ingles é fazer cara de batata e fingir que nao é contigo. É impressionante: ninguém ';e voluntario para PORRA NENHUMA. E ai eles reclamam que tem muito estrangeiro na universidade. É impressionante, estou chocado. Deve ser por isso que aqui tem tanta campanha: seja um voluntario para ajudar jegues, para salvar cacchorros, para salvar um cubo de gelo na antartica... sre voluntario onde voce mora ou trabalha, nem pensar....!

Mas enfim, vai passar. Fiquei assustado com a falta de profissionalismo, nao esperava, mas foi. Tem bastante coisa boa e tudo mais.

Agora, se é para se fufu com o jogo de ombros, eu prefiro me fufu com o sol e praia do brasil....

fabro

Nenhum comentário: